quarta-feira, 19 de abril de 2017

A PIROTECNIA DA IMIGRAÇÃO NARCO-ISLÂMICA É UM ATAQUE...

... UM ATAQUE AO NOSSO DIREITO DE EXITIR NO NOSSO TERRITÓRIO...

... A NOSSA EXISTÊNCIA EM NOSSO TERRITÓRIO SE CHAMA...

SOBERANIA!

Cristiano Arruda


Michel Temer participou nesta manhã de cerimônia em homenagem ao Dia do Exército.

Ouviu do comandante Eduardo Villas Bôas que "não há atalhos fora da Constituição".

"A aguda crise moral, expressa em incontáveis escândalos de corrupção, nos compromete o futuro. Esse momento tão grave não pode servir a disputas paralisantes", disse Villas Bôas.

Na ocasião, Sérgio Moro foi condecorado com a Ordem do Mérito Militar.

A Língua!: Vocês pensam que o General não se referiu também às mudanças nas leis para se implantar aqui uma pirotecnia narco-islâmica para terem bandidos úteis a atacar o Exército Brasileiro?

Eu não sei a respeito das outras forças armadas. A minha fé na Força Aérea acabou. Em relação à Marinha, eu tenho um pé dentro e outro fora em questão de fé. Ainda prefiro acreditr no Exército.

E essa escolha sobre uma Força sobre as Demais me dói muito, porque eu gostaria de ter a tranquilidade de não ter essas dúvidas resultadas de certezas tristes como a FAB permitindo a Venezuela a enviar aviões com armas para a Bolívia e retornar com cargas de cocaína pura sobre o nosso território bem como trazer na surdina os agentes assassinos travestidos de médicos sem formação médica para atacarem o nosso povo e servirem de canais (pretextos) para canalizar dinheiro para Cú-ba.

Cristiano Arruda

Nenhum comentário:

Postar um comentário